Qual a diferença entre preconceito discriminação e racismo?

Quer entender qual a diferença entre preconceito discriminação e racismo?  O preconceito é uma opinião pré-concebida, sem conhecimento de causa, e a discriminação é um comportamento negativo ou injusto contra pessoas ou grupos de pessoas

Já o racismo é a crença errônea de que existem diferentes raças humanas e, portanto, umas seriam superiores às outras. Quando na verdade, existe uma única raça humana, e a diferença no DNA de diferentes etnias é menor que 0,1%.

Continue lendo e saiba mais, descubra qual a diferença entre preconceito discriminação e racismo.

Saiba qual a diferença entre preconceito discriminação e racismo

É muito comum que ouçamos esses três termos de forma associada. Afinal, o preconceito, a discriminação e o racismo possuem mesmo relações entre si.

O preconceito é uma opinião pré-formada ou um sentimento pré-concebido. Ou seja, trata-se de uma opinião superficial que se expressa através de crenças. E seus portadores não conhecem de verdade o objeto de seu preconceito.

Leia também: ITCMD em Santa Catarina, tire suas dúvidas!

Além disso, como o preconceito funciona como uma crença pessoal enraizada, ele não é consciente. O que significa que muitas pessoas podem ser preconceituosas e não saber o que são.

Segundo a legislação penal, o preconceito não pode ser levado para a justiça. Desde que permaneça restrito as crenças pessoais e não se torne um ato de discriminação.

Qual a diferença entre preconceito discriminação e racismo: entenda o racismo

O racismo e os crimes revoltantes pelo preconceito de raça e cor são criminalizados pela Lei Nº 7.716/89. Uma legislação importante, pois foi a primeira a criminalizar o racismo no Brasil. Antes disso, o racismo era considerado mera contravenção penal.

Racismo é a crença de que existem diferentes raças humanas, e que, portanto, haveria raças superiores. Na maior parte das vezes, o racismo acontece pelo preconceito contra diferente etnias e se consolida através da discriminação.

Como consequência, podem acontecer guerras, escravidão, segregação racial e xenofobia. Ou seja, problemas graves e difíceis de resolver na prática. Razão pela qual é fundamental manter o racismo longe da sociedade.

Vale lembrar que o racismo pode se manifestar de forma consciente ou inconsciente. Pois,  não é incomum que muitas pessoas se tornem racistas por serem educadas de criança para desprezar certos grupos ou tipos de pessoas.

E a discriminação? 

Qual a diferença entre preconceito discriminação e racismo? Ao contrário do preconceito e do racismo, a discriminação não é uma crença, mas um comportamento.  

Portanto, a discriminação pode acontecer em função do racismo ou por preconceitos. Lembrando que o preconceito não acontece apenas por motivo de cor ou raça. Porque, também pode ocorrer por motivos de:

  • Religião;
  • Etnia;
  • Idade;
  • Gênero;
  • Orientação sexual, etc.

A discriminação se expressa por comportamentos negativos ou injustos. Na maioria dos casos, por ambos ao mesmo tempo. Então, atitudes discriminatórias podem levar à prática de bullying, segregação, exclusão social, agressão, entre outras ações negativas.

Além disso, a discriminação também pode acontecer de modo consciente e inconsciente. Afinal, as pessoas nem sempre têm consciência dos seus próprios preconceitos hoje suas crenças racistas. E estas podem acabar se concretizando como ações discriminatórias.

Concluindo

Racismo, discriminação e preconceito são coisas diferentes. Mas, estão interligadas na prática, já que tanto o preconceito quanto o racismo leva a atitudes discriminatórias.

Ou seja, a discriminação acontece é justamente porque as pessoas possuem algum tipo de criança preconceituosa ou racista. Sejam ou não conscientes disso

Ficou com alguma dúvida sobre qual a diferença entre preconceito discriminação e racismo? Comente, os comentários de nossos leitores são imprescindíveis e podem servir de base para desenvolvermos as novas pautas! Além disso, compartilhe o texto em suas redes sociais para que outras pessoas fiquem por dentro desse assunto tão importante.