São Sebastião inicia parceria com Instituto de Pesquisas Tecnológicas para mapear e atualizar novas áreas de risco

A Prefeitura de São Sebastião iniciou uma parceria com o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) que irá desenvolver o Plano Municipal de Redução de Riscos (PMRR) e mapear áreas de risco. O estudo visa à aplicação de técnicas e concepções de engenharia para minimizar a condição de ocupação perigosa na cidade.

De acordo com o geólogo do IPT, Agostinho Tadashi Ogura, retomar esta parceria é muito importante, pois envolvem questões de áreas de risco, sujeitas a alagamentos, escorregamentos, deslizamentos e erosão. “Vamos encontrar soluções técnicas para estas demandas e atuar de maneira efetiva, a fim de resolver o problema do município”, disse ele.

Para o secretário de Urbanismo, Luís Eduardo Bezerra de Araújo, as intervenções do Instituto irão minimizar os riscos das áreas de ocupações e coibir o desenvolvimento de novas. “Nosso objetivo aqui também é solucionar os problemas atuais enfrentados na cidade, desconfigurando assim as áreas de risco, por meio de um estudo minucioso”, explicou.

O secretário de Segurança Urbana, José Roberto de Lara, pontuou a importância do trabalho junto à Coordenadoria de Defesa Civil de São Sebastião, que está trabalhando intensamente desde o início da gestão nestas questões. “O mapeamento do município está defasado, o último foi feito em 2005, iremos regularizar esta situação e promover melhorarias pontuais em diversas áreas de risco o mais breve possível”, concluiu ele.

Fonte/foto: PMSS

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: